Textos

Pó do mundo
Rabiscou a vida no papel
Como a flauta rabiscou o som
Num tom de sopro
E num assumido rascunhar incerto
Soprou o pó do deserto
E espalhou
poeira pelo mundo...


Vera Mascarenhas
Enviado por Vera Mascarenhas em 15/06/2022
Alterado em 19/06/2022
Copyright © 2022. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários